Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/1897>.
Acesso em 07/03/2021 às 20h19.

Assinatura de convênio entre o CREA e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano marca abertura do 41º EPEC

6 de novembro de 2015, às 12h43 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

Um convênio de cooperação técnica firmado entre o CREA-PR e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Paraná (Sedu) marcou a abertura do 41º Encontro Paranaense de Entidades de Classe. O convênio foi assinado pelo presidente do CREA-PR, engenheiro civil Joel Krüger e o Secretário de Desenvolvimento Urbano do Paraná, Carlos Roberto Massa Junior e visa sistematizar a divulgação e a realização conjunta de eventos, palestras e troca de experiências e informações entre os órgãos para o fortalecimento da fiscalização e valorização dos profissionais afetos ao Sistema Confea/Crea.

Para Krüger o convênio é fundamental para conscientizar os gestores públicos da importância dos profissionais da engenharia dentro dos quadros públicos. “Com mais engenheiros, agrônomos e profissionais das geociências realizando projetos dentro da administração pública a liberação de recursos é muito mais rápida. Acreditamos que esse convênio venha valorizar a importância do trabalho dos profissionais registrados no Sistema Confea/Crea”, afirmou Krüger.

A opinião foi compartilhada pelo Secretário que ressaltou que as soluções para as cidades passam por bons projetos de engenharia. “O convênio nos dá a garantia de qualificar ainda mais os quadros técnicos do Paraná, que já estão entre os melhores do país. Dessa forma, poderemos realizar ainda mais obras, levar treinamento para gestores públicos e trazer mais recursos para obras de infraestrutura em nosso estado”, ressaltou Ratinho Jr.

Pronunciamentos

A mesa de abertura contou com a presença da vice-presidente do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea), eng. eletric. Ana Constantina Sarmento ressaltou que vem trabalhando arduamente para solucionar as questões relativas às suspensões das Resoluções 1052 e 1053. “O Confea fez uma bela defesa das resoluções e em breve daremos uma resposta definitiva as entidades de classe que são a razão de existir do Sistema”.

O coordenador estadual do Colégio de Entidades Regionais do CREA-PR, eng. civ. Nilton Batista Prado destacou que procurou realizar uma programação positiva, algo que eleve a moral dos engenheiros do Paraná. “Procuramos mostrar em nossa programação coisas boas que acontecem no Brasil. Acreditamos que vamos sair da crise, principalmente graças a qualidade dos nossos profissionais. Também esperamos que o Confea faça uma resolução que solucione as dificuldades que as entidades de classe vem enfrentando não apenas no Paraná, mas em todo o país.

A 2ª vice-presidente do CREA-PR, eng. civ. Célia Pereira da Rosa, saudou todos os presentes dando as boas vindas, convidando todos as conhecer as belezas de Foz do Iguaçu. “Temos uma cidade maravilhosa e espero que todos possam aproveitar não apenas o evento, mas conhecer as belezas incríveis de nossa cidade”.

Também participaram da mesa de abertura o presidente da Mútua, Caixa de Assistência do CREA-PR, engenheiro civil Paulo Guimarães e o Diretor Superintendente do Parque Tecnológico de Itaipu, Juan Carlos Sotuyo.

Sobre o EPEC

O evento tem como objetivo reunir profissionais das áreas tecnológicas, bem como gestores e representantes de Entidades de Classe do Estado do Paraná e diversas lideranças da engenharia, agronomia e geociências de outros Estados. Durante o evento ocorrerá a homenagem de premiação aos profissionais laureados com o prêmio destaque profissional nas categorias “Profissional Destaque 2015, Carreira Destaque 2015 e Educador Destaque 2015”, sendo homenageados 24 profissionais de diversas regiões do Estado que tiveram atuações destacadas, eleitos por mais de 600 profissionais representantes de Entidades de Classe e Instituições de Ensino no Estado do Paraná

Confira mais fotos da abertura do evento em: www.facebook.com/creapr.


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *