Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/30333>.
Acesso em 25/05/2020 às 17h05.

UEPG publica Edital de Residência Técnica na Engenharia

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet do dia 16 de abril até 07 de maio de 2020.

7 de abril de 2020, às 14h47 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

Fruto de uma série de debates entre Crea-PR, Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (SEIL), Paraná Edificações, Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e de Obras Púbicas (SEDU), foi lançado recentemente pela Universidade Estadual de Ponta Grossa – UEPG, o Edital para o processo de seleção do Curso de Especialização em Projetos e Obras Públicas com Ênfase em Infraestrutura Viária de Transportes e em Edificações do Programa de Residência Técnica 2020-2022.

“Como gestora estadual dos Programas de Residência Técnica, a SETI entende como de fundamental importância essa nova edição da RESTEC nas áreas de Engenharia contando com a parceria do CREA, pois trata-se de uma iniciativa que propiciará o aprofundamento na formação de diversos profissionais que poderão servir, com melhor qualidade, não só o estado, mas a sociedade como um todo”, comenta o Superintendente da Seti, Aldo Bona.

Confira como foi a discussão sobre o lançamento da 2ª edição do Programa.

O Programa de Residência Técnica, implementado em parceria com órgãos citados no início da matéria, em diferentes cidades localizadas no estado do Paraná, tem por finalidade proporcionar a prática acadêmico-pedagógica aos alunos do Curso de Especialização em diversos tipos de projeto, contribuindo no desenvolvimento destes para a vida cidadã e para o trabalho.

O Edital

O Curso de Especialização em Projetos e Obras Públicas será realizado no período de julho de 2020 a junho de 2022 e terá carga horária total de 500 (quinhentas horas) incluindo módulo básico (comum a todos os alunos), módulo específico (Infraestrutura Viária de Transportes ou Edificações, conforme opção assinalada na inscrição neste processo seletivo) e Trabalho de Conclusão de Curso em forma de artigo.

As inscrições serão realizadas exclusivamente pela internet, com o preenchimento on-line no site www.cps.uepg.br/externos no período de 00h00min do dia 16 de abril de 2020 até às 23h59min do dia 07 de maio de 2020.

Saiba mais


Comentários

  1. Alvaro Santos disse:

    Sou especialista em Infraestrutura Rodoviária com atuação no segmento de Segurança Viária.
    Entro em contato para saber sobre a constituição do corpo docente deste importante curso de especialização.

    1. Comunicação Crea-PR disse:

      Olá, Alvaro. Tudo bem?
      Sugerimos que entre em contato com a UEPG, pois é ela que está realizando a Residência Técnica.

  2. JOSE ALFREDO PINTO disse:

    ENQUANTO O SISTEMA CREA NÃO PUNIR COM BASE NO CÓDIGO DE ÉTICA OS PROFISSIONAIS QUE ACEITAM SALARIOS ABAIXO DO MINIMO, TODO O ESFORÇO É EM VÃO.

    1. Comunicação Crea-PR disse:

      Olá, José. Tudo bem?

      O Crea-PR está constantemente fiscalizando e punindo essas questões. Infelizmente nos deparamos constantemente com queixas referentes ao não cumprimento, por parte das empresas e demais órgãos, da oferta do salário mínimo profissional nas vagas disponibilizadas. O tema é de extrema importância e tem merecido constante atuação do Conselho, tanto na divulgação junto às empresas dos preceitos legais que determinam o pagamento do Salario Mínimo Profissional, como na fiscalização junto aos empregadores (menos dos Estatutários), quando estas chegam por meio das denúncias. Neste passo, é importante esclarecer que os Creas autuam e multam as empresas pelo não pagamento do Salário Mínimo Profissional, porém, somente a justiça, mediante ação judicial movida por profissionais prejudicados, é que tem poderes para obrigar o empregador a pagar o salário mínimo ao profissional, inclusive o pagamento retroativo aos últimos cinco anos de contrato de trabalho. Também os Sindicatos podem mover tais ações judiciais em nome de seus associados.

      Mesmo sem ter poderes para acionar a justiça, o Crea-PR, em defesa da valorização profissional, abre o seu canal de denúncias para situações de descumprimento do Salário Mínimo Profissional e age prontamente quando as recebe, atuando administrativamente junto aos empregadores alertando da necessidade de cumprimento da Lei e, em diversas vezes, embargando editais e concursos que não respeitem o SLM. Somente em 2019, foram enviados 16 ofícios alertando sobre a adequação do concurso público em relação ao salário (casos nos quais os órgãos não tem obrigação de pagamento do piso), 32 ofícios vinculados a processos de fiscalização alertando sobre o pagamento do piso sendo que, caso não houvesse correção, estaria sujeito à multa e realizadas 15 autuações pelo descumprimento do SMP.

      Este número só não é maior por falta de denúncias, pois, por não se tratar de atividade finalística do Crea, necessita das denúncias para poder agir.

      Em suma, a atuação do Crea só pode ocorrer em vagas que estão em aberto no máximo até um ano após a sua publicação, como é o caso das que citamos na matéria acima. O papel dos profissionais neste momento é muito importante, pois são eles que nos ajudam a ter uma maior capilaridade em nossas ações.

      Denuncie através de um de nossos canais oficiais: aplicativo (Download – Apple: http://bit.ly/AppleCrea ou Android: http://bit.ly/AndroidCrea), ou a área de denúncia online em nosso site (http://bit.ly/DenunciaOnlineCreaPR).

  3. Thiago disse:

    Documentos para inscrição

    1. Comunicação Crea-PR disse:

      Olá, Thiago. Tudo bem?
      Você já deu uma lida no edital? Uma outra opção é entrar em contato com a UEPG, já que o Edital é deles.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *