Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/316>.
Acesso em 12/08/2020 às 00h52.

Entidades de classe se reúnem com CAIS

16 de março de 2011, às 20h25 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

Promover a aproximação da CAIS – Comissão de Articulação Institucional do Sistema com as entidades de classe paranaenses, de forma a melhorar o diálogo entre os profissionais e o CONFEA. Este foi o objetivo de um encontro da Comissão com entidades de classe paranaenses na ultima sexta-feira.
 
Entre os temas debatidos no encontro – prestigiado por representantes de entidades como o IEP-PR, Ibape, Abenc, Sindarq, Associação Paranaense de Engenheiros de Minas, entre outras – estiveram o apoio financeiro para eventos das entidades nacionais, a sustentabilidade financeira do Sistema, análise da prestação de contas institucional dos convênios, a aprovação de um Grupo de Trabalho que normatize a ART em empreendimentos agropecuários, bem como se posicionar frente a projetos de lei como os royalties do pré-sal e programas de habitação. “Estes encontros são importantes para que a Comissão escute e dialogue com as entidades de classe, contemplando o que está sendo efetuado em cada Estado e aproximando o trabalho dos profissionais”, comentou o engenheiro agrônomo Kleber Souza dos Santos.
Segundo a presidente do Sindarq, arquiteta Ana Carmem de Oliveira, foram discutidas principalmente as dificuldades que as entidades enfrentam no dia a dia do trabalho junto aos profissionais, quais são as propostas das entidades no sentido de melhorar a integração e diminuir o distanciamento com o Sistema. “O encontro foi importante para conhecer o trabalho das outras entidades, já que cada associação e sindicato têm as suas particularidades. Foi um momento de troca de informações, de reflexão, discussão e melhoria, para resgatar a integração entre entidades e profissionais”.  


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *