Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/31851>.
Acesso em 12/08/2020 às 03h16.

15 projetos de cursos e eventos das Entidades de Classe são aprovados pelo Crea-PR

Os selecionados fazem parte da Etapa 2 do Edital 05/2019, que deve repassar aos projetos aproximadamente R$ 310 mil, beneficiando no mínimo 3.045 profissionais que participarão de cursos, eventos e hackathons

22 de junho de 2020, às 20h02 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

O Crea-PR publicou nesta segunda (22) o resultado da seleção de projetos inscritos pelas Entidades de Classe na segunda etapa do Edital 05/2019. Foram 21 projetos inscritos e destes, 15 selecionados para execução. O Edital selecionou propostas para concessão de apoio financeiro, através de Termo de Fomento, para execução de projetos de interesse do Sistema Confea/Creas. Os selecionados somam um investimento de R$ 306.580,00 em ações que irão beneficiar no mínimo 3.045 profissionais participantes.

Os projetos selecionados pela Comissão de Seleção têm como objetivo o aperfeiçoamento técnico e cultural e apoio à fiscalização das profissões abrangidas pelo Sistema Confea/Crea; divulgação da legislação e do Código de Ética Profissional; e conscientização sobre a importância de registro da Anotação de Responsabilidade Técnica – ART e Acervo Técnico. Para inscrever os projetos, as Entidades de Classe precisavam estar com o registro regular no Crea-PR e atender as demais exigências do Edital. Os Termos de Fomento são um auxílio disponibilizado pelo Conselho paranaense através de um apoio financeiro para as Entidades de Classe que realizam os projetos de revistas técnicas impressas e digitais, congressos, seminários, workshops, cursos, treinamentos, entre outros.

Na primeira etapa deste Edital 05/2019 foram selecionados 34 projetos que têm prazo de execução até dezembro de 2020. As equipes que trabalham nos Editais de Chamamento permanecem realizando suas atividades em home office, desde o final de março, para que todos os processos tenham continuidade. “A Comissão de Tomada de Contas tem realizado reuniões virtuais para analisar as prestações de contas de projetos já realizados pelas entidades de classe, o que dará agilidade na assinatura dos próximos termos. Após a assinatura, as etapas iniciais dos projetos já podem começar, adequando as datas de execução de cursos e eventos conforme for possível. Da mesma forma, a Comissão de Seleção realiza as reuniões virtuais para análise e aprovação dos projetos”, diz o gerente do Departamento de Relações Institucionais do Crea-PR, Claudemir Prattes.

Veja aqui as informações do Edital 05/2019 e as propostas classificadas.

52 mil profissionais beneficiados

Desde a publicação do primeiro Edital de Chamamento em 2017 o número de projetos inscritos e aprovados a cada ano tem sido crescente. Foram 60 no primeiro ano, 76 em 2018, 82 no ano de 2019. Neste ano atípico de 2020, apesar da situação imposta pela pandemia, foram 34 aprovados na primeira etapa do Edital 05/2019, mais os 15 desta segunda etapa.

Até o último Edital com projetos executados, foram 218 projetos desenvolvidos por 47 entidades de classe diferentes, atingindo um total de aproximadamente 50 mil profissionais, com um investimento do Crea-PR no valor de R$ 5,6 milhões em quatro anos.

Etapas dos termos de fomento, veja como funciona

Com a publicação do Edital de Chamamento fica aberto o prazo para inscrição dos projetos pelas Entidades de Classe. Após inscritos, os projetos passam pela Comissão de Seleção, que avalia o mérito, a habilitação dos documentos, verifica se está em conformidade com o Edital e a legislação vigente. Alguns aspectos analisados são o alinhamento com o Planejamento Estratégico do Crea-PR; objetividade, valores, prazos e exequibilidade das metas propostas no plano de trabalho; número de profissionais atingidos pelo projeto; certificação obtida junto ao último ciclo do PCQ – Prêmio Crea-PR da Qualidade; número de associados das entidades de classe; entre outros.

Aprovados os projetos, vem a fase de assinatura dos Termos, seguida da execução dos projetos, com o acompanhamento dos gestores de contratos. Realizadas todas as ações do projeto, é feita a prestação de contas, que passa pela Comissão de Monitoramento e Avaliação, depois pela Comissão de Orçamento e Tomada de Contas e aprovada no Plenário do Crea-PR pelos conselheiros. Assim, a entidade está apta, neste quesito, para a inscrição de novos projetos.


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *