Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/33263>.
Acesso em 28/11/2020 às 03h05.

Homenagem a Agronomia e ao Engenheiro Agrônomo

12 de outubro de 2020, às 0h00 - Tempo de leitura aproximado: 2 minutos

Para celebrar o Dia do Agrônomo homenageando os profissionais, o Crea-PR compartilha dois artigos, um do Eng. Agr. Luís Cassol, Prêmio Destaque Profissional (Educador Destaque/2016), e outro do Eng. Agr. Clodomir Ascari, Presidente da Federação Nacional dos Engenheiros Agrônomos do Paraná.

 

Feliz Dia do Agrônomo!

 

Nesse país de dimensões continentais, “em se plantando tudo dá”. Pero Vaz de Caminha, há 520 anos, chamou a atenção da Corte Portuguesa sobre a imensidão de recursos naturais que inundam o Brasil, fazendo-o não apenas bonito por natureza, mas com amplas e diversificadas formas de produção. Mas, Sr. Caminha, a coisa não é tão simples assim…

Para organizar essas tarefas, desde a produção à comercialização, em 12 de outubro de 1933, através do Decreto n° 23.196, foi regulamentada a profissão de Engenheiro Agrônomo, cuja atividade envolve uma complexidade de funções e se inter-relaciona com outras ciências, das básicas as aplicadas, atuando nos três grandes reinos da natureza: animal, vegetal e mineral. Compete a este profissional a nobre missão de produzir alimentos, fibras e energia para uma população de 7,8 bilhões de seres humanos; além disso, através da legítima cobrança da sociedade, é de sua responsabilidade que os alimentos sejam seguros desde a produção, até o transporte, armazenamento e acesso.

No estado do Paraná, que possui 61 cursos de graduação em Agronomia registrados no Crea-PR, junto a 16.347 profissionais atuando numa profissão eclética, talvez um grande diferencial em relação as outras; que tem nos recursos naturais o seu grande aliado e que, inegavelmente, tem ajudado a transformar o Brasil num grande destaque na produção de grãos, carnes, etanol, frutas, verduras e outras tantas espécies que fazem desse país tropical uma verdadeira potência e cujos produtos são consumidos em boa parte do Planeta.

Uma profissão em estreita relação com a natureza, capaz de evoluir para altos tetos de produtividade dos cultivos, com aplicação dos conhecimentos científicos, e, deste modo, capaz de preservar os recursos naturais necessários a manutenção das diferentes formas de vida no Planeta e um ambiente com qualidade para as futuras gerações.

Agronomia dos solos, das plantas e dos animais
Contigo escrevo uma história linda demais
Agronomia da irrigação, da genética, do paisagismo
Se moderniza com dinamismo, sem conservadorismo
Agronomia da fito e da entomologia
Da socioeconomia e da ecologia
Da tecnologia e da engenharia…
Não descansou um dia, em meio a pandemia
Agronomia do ensino, da pesquisa e da extensão
Do cooperativismo, da comercialização e da produção
De mãos dadas com a conservação
Agronomia, tu és paixão, superação, emoção
Agronomia orgânica ou mineral, preservando a biodiversidade
Parabéns a todo o Engenheiro Agrônomo
Que atua com ética, competência e responsabilidade

Luís César Cassol
Engenheiro Agrônomo, Professor do Curso de Agronomia da UTFPR/Campus Pato Branco e ganhador do Prêmio Destaque Profissional do Crea-PR em 2017, como Educador Destaque.


Comentários

  1. Paulo Roberto Sartor disse:

    Belas e sempre sábias palavras professor. Grande abraço.

  2. Lucio Hugo Abreu Donate disse:

    Como não amar a Agronomia?
    Ser e sentir a paixão de professores que se dedicam, e a cada dia estão buscando novidades, e dividindo o seu conhecimento, seu tempo em novos experimentos, enfim dividindo a sua vida, eu sinto orgulho de poder ser seu aluno.
    Obrigado
    Lucio Hugo – UTFPR – PB

Deixe uma resposta para Paulo Roberto Sartor Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *