Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/377>.
Acesso em 24/10/2020 às 21h25.

CREA-PR presente no Seminário Acompanhamento das Ações para a Realização da Copa 2014

13 de abril de 2011, às 17h29 - Tempo de leitura aproximado: 1 minuto

CREA-PR presente no Seminário Acompanhamento das Ações para a Realização da Copa 2014O presidente do CREA-PR, engenheiro agrônomo Álvaro Cabrini Jr, foi o mediador do painel “Fiscalização e Controle Social”, inserido no Seminário Acompanhamento das Ações para a Realização da Copa 2014, promovido pelo CREA-BA nesta quarta-feira.

Ele reiterou que um dos propósitos do Projeto Confea/CREA em Campo é  mostrar que o grande legado dessa ação é evidenciar junto aos  dirigentes públicos a importância da  capacitação dos seus quadros técnicos. “Essa capacitação não se refere apenas as obras referentes à Copa 2014, mas a infraestrutura necessária ao desenvolvimento do país”, disse.

A necessidade de que o evento deixe um legado para o Brasil foi destacada por autoridades presentes no evento. “É necessário que se foque na organização de uma Copa com a qualidade necessária, com obediência e adequações às necessidades que a nossa cidade precisa”, destacou o presidente do CREA-BA, Jonas Dantas.

De acordo com o presidente do Confea, Marcos Túlio de Melo, tão logo foi anunciada a realização da Copa de 2014 no Brasil, o Sistema iniciou uma mobilização que permitisse uma discussão ampla com a sociedade. “Essa é uma grande oportunidade para o país. Uma excelente chance para que desenvolvamos o nosso crescimento, por ser um evento acompanhado pela população mundial”, frisou.

“Temos que ter projetos executivos completos, para que tenhamos o resultado esperado. Essa deve ser uma preocupação da sociedade e objeto de acompanhamento, por isso estamos realizando as audiências públicas nas 12 cidades-sede, para que os níveis de governo apresentem os estágios em que estão os projetos e obras. Assim teremos transparência e acompanhamento social”.


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *