Marca do Crea-PR para impressão
https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/391

Secretário do Mapa visita Embrapa Agrossilvipastoril e conhece experimentos com iLPF

25 de abril de 2011, às 16h43


O secretário de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Erikson Camargo Chandoha, esteve nesta quarta-feira na Embrapa Agrossilvipastoril, em Sinop. Recebido pelo chefe-geral da Unidade, ele conheceu o novo Centro de Pesquisas e também acompanhou experimentos realizados com a integração lavoura-pecuária-floresta (iLPF).

Durante a manhã, o secretário participou de reuniões com a chefia da Embrapa Agrossilvipastoril e com pesquisadores da empresa. Na pauta estavam temas como o andamento do projeto Produção Integrada em Sistemas Agropecuários (Pisa II) no Mato Grosso e a implantação no estado do Programa de Agricultura de Baixo Carbono (ABC).

Na ocasião, o chefe-geral da Embrapa Agrossilvipastoril, João Flávio Veloso, apresentou a proposta de trabalho desta nova Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Pesquisadores da Unidade também fizeram breves apresentações sobre questões de grande relevância nacional e, sobretudo, para o Mato Grosso, como a morte súbita da brachiaria e a recuperação de áreas degradadas.

Durante o encontro, Erikson Chandoha deixou claro a grande expectativa do Mapa com a chegada da Embrapa ao Mato Grosso. Segundo ele, esta Unidade terá papel de vanguarda frente a questões como o desenvolvimento agrário sustentável.

“O Brasil assumiu um compromisso mundial para a redução da emissão de carbono, por isso temos de dar uma atenção especial à Embrapa Agrossilvipastoril. Esta temática é de grande interesse para o Ministério e poderemos desenvolver muitos trabalhos em conjunto”, disse o secretário.

Erikson Chandoha ainda destacou a importância dos processos de capacitação continuada, como o do iLPF e do leite que já estão sendo desenvolvidos no estado.

“Programas como o ABC precisam qualificar, capacitar profissionais. Precisamos de pessoas preparadas para levar a tecnologia ao campo e a Embrapa terá papel fundamental neste processo, sobretudo aqui no Mato Grosso”, afirmou.

No fim da manhã, já em companhia do secretário adjunto de Desenvolvimento Regional da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Rural e Agricultura Familiar (Sedraf), Renaldo Loffi, Erikson Chandoha visitou as obras de construção da sede da Embrapa Agrossilvipastoril. A comitiva também passou por parte do campo experimental, onde os primeiros experimentos já começaram a ser implantados.

No início da tarde, o secretário foi até a Unidade de Referência Tecnológica de Santa Carmem-MT, instalada na fazenda Dona Isabina. Acompanhado pelo pesquisador Flávio Wruck, ele pôde conhecer experimentos com iLPF que vem sendo desenvolvidos na propriedade, com o consórcio entre arroz, eucalipto e mogno africano.

Para o chefe-geral da Embrapa Agrossilvipastoril, a presença dos secretários, tanto da esfera nacional quanto da esfera estadual, é de grande importância para a empresa, sobretudo neste momento em que os trabalhos começam a ser realizados.

“É fundamental que conheçamos o direcionamento das estratégias do governo para que possamos alinhar as nossas ações. A visita é importante para que possamos conhecer a dinâmica com a qual eles estão trabalhando e também para que possam conhecer nossas atividades. Desta forma, ficará mais fácil construirmos projetos juntos”, analisa João Flávio Veloso.

Compartilhe este conteúdo

Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marca do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia - Confea Marca da Mútua Selo do Acesso à Informação Marca da Câmara de Mediação e Arbitragem do Crea-PR - CMA Marca do Portal de Informações SEI! Crea-PR

Marca do Programa Casa Fácil Marca da Biblioteca Virtual do Crea-PR Marca do CreaJr-PR Marca do Portal da Educação Marca do ProCrea Marca da Revista Técnico-científica do Crea-PR Marca do Sistema de Informações Geográficas do Crea-PR - SIG Marca da Ouvidoria do Crea-PR

Voltar ao topo