Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/arquivos/41128>.
Acesso em 16/10/2021 às 19h18.

De Goiânia para o mundo: Sistema abre Soea Connect on-line

15 de setembro de 2021, às 22h00 - Tempo de leitura aproximado: 10 minutos

Foi aberta na noite desta quarta (15), em Goiânia, e pela internet para mais de 11 mil inscritos, a Soea Connect. A inovação do formato do evento chamou a atenção de todos, não apenas entre as autoridades do Sistema, mas também junto ao público virtual e à pequena plateia presencial. Afinal, a 77ª Semana Oficial da Engenharia e da Agronomia (Soea), que seria realizada em 2020, precisou ser adiada para 2022, em decorrência da pandemia de covid-19, o que exigiu o aperfeiçoamento de uma plataforma digital inovadora que possibilitará o acesso simultâneo a todas as 170 palestras programadas. Contexto bastante lembrado não apenas durante a cerimônia de abertura, mas em todo o evento, que tem como tema “A Pandemia: aprendizados e desafios para a Engenharia, a Agronomia e as Geociências”.

O presidente do Confea, eng. civ. Joel Krüger, fez questão de enaltecer todos os envolvidos na organização do evento, destacando seu papel para a integração de todos os profissionais. “Será uma Soea inovadora, uma Soea de acolhimento, importantíssima para o nosso sistema profissional. Gostaria de reiterar a nossa solidariedade, nossos sentimentos a todas as famílias e amigos dessas quase 600 mil vidas perdidas nesse momento tão delicado da nossa sociedade. Momento que se reflete em grandes mudanças, como a forma de realizar os nossos eventos. Mas queremos também celebrar a vida. Estamos recuperando essa nova normalidade, permitindo que possamos realizar os nossos eventos, mas também que a gente possa realizar as nossas atividades no dia a dia. Com os cuidados e as condições que o momento nos impõe, mas recuperando essa nova normalidade”, comentou.

Joel agradeceu o empenho da Comissão Organizadora da Soea (ConSoea). “Desde o primeiro momento, ela se preocupou em como realizar esse evento. Não tivemos condições de realizá-lo em 2020, mas estamos retomando com cuidado intenso e com inovação”, disse, reconhecendo ainda o papel da Secretaria Executiva, além dos conselheiros federais, destacando a atuação das equipes do Confea, do Crea-GO, da Mútua e de todas as empresas terceirizadas que estão trabalhando na realização do evento.

O presidente do Confea comentou ainda quanto aos preparativos para a 77ª Semana Oficial da Engenharia, da Agronomia e das Geociências, a ser realizada também em Goiânia, de forma presencial ou híbrida. “Esperamos ter condições de realizar de forma presencial para garantirmos a inclusão de todos, mas esperamos ter na  Soea também 15 mil inscritos, mesmo que a grande maioria de maneira remota”, disse, cumprimentando todos os semanistas, presentes em todo o mundo.

“Em nome da nossa secretária executiva, Sílvia Girardi, agradeço os que direta ou indiretamente viabilizaram a organização da nossa Soea Connect. Temos, nessa semana, mais de 11 mil inscritos. Já é, com certeza, a nossa maior Semana Oficial. E tenho certeza de que será uma das melhores em termos de conteúdo, junto ao Contecc”, acrescentou, destacando ainda o tema da Soea, os desafios que a pandemia está trazendo para as atividades profissionais.

Pandemia

Mais do que respeitar um minuto de silêncio para as vítimas da covid-19, o tema do evento, “A Pandemia: aprendizados e desafios para a Engenharia, a Agronomia e as Geociências”, marcou toda a cerimônia. “A Engenharia, a Agronomia e as Geociências estiveram na linha de frente de todas as atividades. Agradecemos a todos os profissionais de saúde que enfrentaram o vírus. Porém, os hospitais só funcionaram porque tínhamos engenheiros viabilizando a segurança do trabalho, garantindo a energia, o abastecimento de água, todas as condições para que os escritórios, clínicas e hospitais continuassem trabalhando”, ressaltou o presidente do Confea.

Ministro Marcos Pontes: atuação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações durante a pandemia.

Segundo ele, em casa ou no trabalho, a produção de alimentos ou tecnologias como a dos sinais de telecomunicações foram viabilizadas pelas profissões do Sistema Confea/Crea e Mútua. “A Engenharia, a Agronomia e as Geociências não pararam em nenhum momento. E agora é a hora de fazermos uma reflexão, entendermos esse processo, quais são os seus reflexos, o que estamos levando de legado para o futuro da humanidade”.

Joel Krüger lembrou também o papel dos presidentes de Creas que “também estiveram arduamente trabalhando durante todo o período da pandemia”, agradecendo às entidades nacionais, precursoras e às entidades regionais “que viabilizam o funcionamento do sistema profissional no dia a dia”, além das instituições de ensino e das coordenadorias de câmaras nacionais. “Com base nessa relação direta da pandemia com as nossas profissões, organizamos essa grade de palestras, trazendo informações, trazendo reflexões importantíssimas”.

Na sequência, Joel agradeceu aos cientistas e profissionais do Sistema e de outras profissões que contribuíram para o desenvolvimento da ciência e para viabilizar a tão desejada vacina para o novo Coronavírus. “Em menos de um ano, desenvolvemos várias vacinas em todo o planeta e temos importantes laboratórios públicos brasileiros que estão viabilizando as vacinas em todo o nosso território. E também destacar a importância do Sistema Único de Saúde, que viabilizou a nossa vacinação”.

Depoimentos e participações

A atuação do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações diante deste desafio seria lembrada, em vídeo, pelo engenheiro aeronáutico e atual ministro da pasta, Marcos Pontes. “Sem dúvida, temos muitos aprendizados. No ministério temos trabalhado, desde antes da pandemia, através de diretrizes e estratégias desenhadas pela Rede Vírus MCTI, reunindo especialistas que desenvolveram inúmeras ações, que vão desde a prevenção, desenvolvimento de testes, diagnósticos, de tratamento, desenvolvimento de sequenciamento genético. Trabalhamos também com a patogênese da doença, com o desenvolvimento de vacinas nacionais. Investimos em 15 tecnologias nacionais, uma delas já começa os testes clínicos agora. E também com o reforço da nossa estrutura para o enfrentamento das próximas pandemias, com a criação do Centro Nacional de Vacinas, o Centro Nacional de Medicamentos, o Centro de Tecnologias da Saúde e ainda os esforços para criar o Laboratório de Biossegurança Máxima”, descreveu.

Presidente do Crea-GO, eng. civ. Lamartine Moreira Júnior.

Com a presença no dispositivo de honra de representantes do Colégio de Entidades Nacionais (Cden), do Colégio de Presidentes e das coordenadorias nacionais de câmaras especializadas, além de autoridades municipais e estaduais, e na plateia, de diversos conselheiros federais e presidentes de Creas, fizeram breves pronunciamentos o presidente do Crea-GO, eng. civ. Lamartine Moreira Júnior; o presidente da Mútua, eng. agr. Francisco Almeida, e o prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha.

Lamartine ressaltou que a  Soea é o maior evento das profissões do Sistema. “Esse ano se mostra um fórum ainda mais transparente que converge para os profissionais que promovem e são responsáveis pelas inovações tecnológicas. Receberemos mais de 170 palestrantes que contribuirão para o  nosso desenvolvimento profissional. Agradeço sua confiança, presidente Joel”, disse, colocando o Crea-GO à disposição de todos.

Presidente da Mútua, eng. agr. Francisco Almeida.

Diretor-Presidente da Mútua, o eng. agr. Francisco Almeida ressaltou a disposição de modificar os paradigmas do Sistema. “Vamos fazer uma revolução: uma Mútua não bancária, uma Mútua de acolhimento, em benefício dos nossos profissionais. A Lei 5.194 que completa 55 anos prevê o interesse social. E por meio de ações como essa Soea Connect, o Sistema está integrado com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. Estamos mostrando para a sociedade a nossa verdadeira missão. É uma satisfação muito grande participar da Soea Connect para mostrar que sem os nossos profissionais não existe o desenvolvimento sustentável”.

Já o prefeito de Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha (PMDB), manifestou estar envaidecido pelo convite, parabenizou pela inovação do projeto da Soea e convidou todos a conhecerem o município. “Sou um entusiasta da tecnologia, e investimos pesado em tecnologia, que é o meio, não é o fim, para melhorar vidas. Investir em tecnologia é investir no ser humano”, disse o prefeito, que promoverá palestra nesta quinta, dentro da programação do evento.

Ao longo da cerimônia, diversos internautas comentaram no chat do evento, fazendo questão de elogiá-lo. Profissionais como a ex-presidente do Crea-AC, eng. agr. Carminda Pinheiro, e ainda Ledson Leitão Batista, Iara Nagle, Ivan Lopes Alves e Geovana Araújo Ferreira, que parabenizaram a iniciativa. “Estão de parabéns”, disse Luciano Curvello Amaro. “Parabéns a todos”, comentou Marcelo Linguitte. “Crea-MT presente”, registrou Marciane Prevedello Curvo. “Excelentes homenagens. Belas histórias”, afirmou Alfredo Herbst Neto, referindo-se às homenagens da Láurea ao Mérito.

Soea Connect: emoção marca entrega das honrarias do Sistema Confea/Crea

Foto de paranaenses homenageados junto à presidência.

Presencial ou virtual, a cerimônia de entrega das honrarias do Sistema Confea/Crea é sempre marcada pela emoção.

Como há 63 anos, seguindo a tradição, a entrega de 12 Medalhas do Mérito, as homenagens in memoriam com a inscrição de 12 nomes  no Livro do Mérito e as três Menções Honrosas – destinadas a empresas públicas ou privadas, instituições de ensino e entidades de classe que fomentam o desenvolvimento tecnológico – foram entregues na noite de 15/9, quando da abertura da Soea Connect.

Apenas com um representante de cada categoria presente na cerimônia, a apresentação de vídeos exibindo a entrega das honrarias nos Creas foi a forma encontrada pela Comissão Nacional Organizadora da Soea (Consoea) para que todos estivessem presentes, mesmo os já falecidos, representados por seus familiares.

 

Inscritos no Livro do Mérito – in memoriam
Aderaldo Leocádio da Silva – engenheiro agrônomo – especialista em Botânica e Sistemática
Ascânio Pruner – engenheiro industrial
Augusto Fleury Veloso da Silveira – engenheiro eletricista e físico
Cleverson Cabral – engenheiro geólogo
Dirceu Neri Gassen – engenheiro agrônomo
Eberhard Wernick – geólogo
Hermínio Filomeno da Silva Neto – engenheiro civil
Ivan Lúcio Pereira – engenheiro civil
Jaime Rotstein – engenheiro civil
Marília Locatelli – engenheira florestal
Mário de Mari – engenheiro civil
Valério Ribon – engenheiro agrônomo

Receberam a Medalha do Mérito
Adriano da Silva Lopes – engenheiro agrônomo
Antonio Nunes de Miranda – engenheiro civil
Belchior de Oliveira Rocha – engenheiro eletricista
Creso Villela – engenheiro/arquiteto
Flávia Rabelo Barbosa Moreira – engenheira agrônoma
João Sergio Cordeiro – engenheiro civil
Jorge Nei Brito – engenheiro mecânico
José Maria H. Condurú Neto – engenheiro agrônomo
Luis Roberto Andrade Ponte – engenheiro civil
Marcos José Tozzi – engenheiro civil
Maria Urbana Corrêa Nunes – engenheira agrônoma
Waldir Duarte Costa – geólogo

Receberam as placas de Menção Honrosa
Romagnole Produtos Elétricos S.A.
Tupy S.A. 
Universidade de São Paulo (USP)

Cerimônia do Mérito do Confea homenageia paranaenses. Clique aqui e confira.

História

A Medalha e o Livro do Mérito foram instituídos pela Resolução nº 118/1958, do Confea. O documento também criou a Comissão do Mérito, responsável pela escolha dos homenageados.

Em 2021, a comissão é coordenada pelo conselheiro federal, eng. eletric. Jorge Luiz Bitencourt da Rocha e formada por: eng. agr. Andréa Brondani da Rocha.; eng. mec. Carlos de Laet Simões Oliveira; eng. eletric. Daniel de Oliveira Sobrinho e eng. civ. João Carlos Pimenta.

Profissionais do futuro

Ao se dirigir aos participantes da Soea Connect,  Bitencourt agradeceu aos membros da comissão, citando a assistente Neuzi Lima, os conselheiros, o jornalista Felipe Pasqualini, gerente de Comunicação do Confea, e Sílvia Girardi, secretária executiva da Semana.

“Somos profissionais de um novo tempo”, disse o coordenador para quem “a tecnologia é a ciência aplicada em sua essência, representada pela inteligência e pelo saber fazer dos homenageados que deram contribuições relevantes para o Sistema Confea/Crea e para uma sociedade sustentável”.

O conselheiro federal desejou que “o legado dos homenageados ilumine os participantes da Soea Connect. Foram e são vidas dedicadas a pesquisas, ao magistério, ao empreendedorismo”.

Ele também afirmou que “homenagens são importantes porque valorizam a experiência dos profissionais e estimulam os que entram no mercado de trabalho”.

Para assistir ao vídeo completo e visualizar o Livro Láurea ao Mérito e o perfil de cada um dos homenageados, visite o ambiente da Láurea ao Mérito na plataforma da Soea Connect.

O Livro também está disponível por meio do link:

https://www.confea.org.br/livro-do-merito-2021

Equipe de Comunicação do Confea

 


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *