Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/engenheiros-e-entidades-de-classe-da-regiao-de-guarapuava-sao-homenageados-pelo-crea-pr/>.
Acesso em 06/10/2022 às 16h28.

Engenheiros e entidades de classe da região de Guarapuava são homenageados pelo Crea-PR

14 de novembro de 2019, às 18h14 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

Na última sexta-feira (8), o Crea-PR (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná) realizou a 45ª edição do EPEC, em Foz do Iguaçu. Entidades de classe de todo o Estado participaram do evento, que contou em sua programação com o 12º Ciclo do Prêmio Crea de Qualidade – PCQ. O Prêmio reconhece as entidades destaque nos critérios de excelência avaliados pelo Conselho, nas categorias pequenas, médias e grandes.

A avaliação funciona assim: as entidades se inscrevem e recebem a equipe de auditores do Crea-PR, que avalia 11 critérios: Sistema de Gestão, Atuação Junto ao Sistema Confea/Crea, Qualificação Profissional, Ambiente Associativo, Ética Profissional, Políticas Públicas, Comunicação, Liderança, Responsabilidade Administrativa, Sustentabilidade e Cidadania, e Inovação e Resultados.

Na regional de Guarapuava, duas entidades foram reconhecidas entre as melhores do Paraná. Na categoria “Inovação e Boas Práticas”, um dos projetos vencedores foi o “Hackathon do Sistema”, promovido pela APROGEO (Associação Profissional dos Geógrafos do Paraná), entidade que tem sede em Guarapuava.

“O grande desafio e a grande satisfação do projeto Hackathon é que a gente conseguiu desenvolver um projeto com a temática exclusiva do Crea, que é fiscalização. Nós colocamos dentro de um mesmo evento todos os atores que compõem o sistema: a academia, as entidades de classe, o Conselho como um todo (fiscalização, gerências, diretorias) e o próprio Confea. Unindo esses elos em torno de um assunto complexo, conseguimos entregar ótimos resultados, algumas inovações irão impactar o processo de fiscalização em breve”, declara o presidente da APROGEO, Jorge Campelo. Além do prêmio “Inovação e Boas Práticas”, a APROGEO também foi agraciada com o 3º lugar na categoria “Pequenas Entidades de Classe”.

“A importância desse reconhecimento para a APROGEO e para a Geografia como um todo é muito grande, porque a gente ganha uma visibilidade dentro do sistema, já que somos uma categoria numericamente pequena dentro do Crea-PR. Mas, mesmo assim, estamos mostrando que temos capacidade de entregar para o sistema soluções, propostas e projetos que agregam valor”, avalia Campelo.

A segunda entidade de classe homenageada da região foi a Associação dos Engenheiros Agrônomos da Região de Irati, na categoria “Destaque Regional”. Com 33 anos de fundação, a entidade conta com mais de 70 associados.

“Ser premiada como Associação destaque de uma regional significa ver reconhecido o trabalho e o empenho que a diretoria junto com os seus associados estão realizando. Essa é a nossa segunda premiação consecutiva, por isso, tem um significado ainda maior, que é o de evoluir sempre para sermos melhores a cada ano”, afirma o presidente da Associação, Rodolfo Penteado Garbelini.

Além das entidades, na mesma ocasião foi realizada a entrega do Prêmio Destaque Profissional, que presta homenagem aos profissionais indicados pela importância do trabalho realizado, nas categorias Carreira Destaque, Destaque Profissional e Educador Destaque.

Na região de Guarapuava, o Engenheiro Florestal Peterson Jaeger recebeu a homenagem como “Carreira Destaque”. Natural de União da Vitória, cidade onde atua, Jaeger formou-se em Engenharia Florestal na UFPR (Universidade Federal do Paraná), e fez Mestrado em Ciências Florestais na UFLA (Universidade Federal de Lavras). Atua como profissional liberal e professor de ensino superior. Já ocupou cargo de Chefe Regional do Instituto Ambiental do Paraná, além de trabalhar junto ao Instituto Emater e no Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

“Sobre a premiação, vejo que é algo revigorante; faz refletir sobre caminho trilhado e pensar no caminho a ser seguido. Considero-me apenas o representante de tantos outros engenheiros que ainda não tiveram a oportunidade de receber tal premiação. Espero também que esse evento seja cada vez mais incentivador da nova geração de engenheiros do Paraná”, afirma o vencedor da categoria “Carreira Destaque”, Peterson Jaeger.

Por fim, na categoria “Profissional Destaque”, o homenageado da região de Guarapuava foi o Engenheiro Florestal Clodoaldo Cleverson Goetz. Além de Engenheiro, ele também é advogado. Atua como professor universitário há 10 anos nos cursos de Engenharia do Centro Universitário de União da Vitoria. Atualmente é Secretário de Planejamento e Secretário de Trânsito de União da Vitória. Já atuou como inspetor chefe do Crea-PR, na inspetoria de União da Vitoria, e presidiu a Associação de Engenharia e Arquitetura do Vale do Iguaçu por dois mandatos. “Receber o prêmio Profissional Destaque é uma grande satisfação, uma alegria ser reconhecido pelo trabalho e luta que sempre tive em prol da Engenharia. Isso me motiva a continuar empenhado nesse objetivo”, afirma Clodoaldo.

Confira todas as fotos dos premiados em nosso facebook


Comentários

  1. estamos em busca de um profissional técnico de edificações, na opção do CREA. mais me parece que a entidade removeu do sistema, em fim estamos sem poder resolver a situação,

    1. Comunicação Crea-PR disse:

      Olá, Francisco. Tudo bem?

      Profissionais técnicos em edificações são de responsabilidade do Conselho Federal dos Técnicos.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *