Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/releases/curitiba-sedia-5o-seminario-internacional-de-acessibilidade>.
Acesso em 25/05/2020 às 18h33.

Curitiba sedia 5º Seminário Internacional de Acessibilidade

Nos próximos dias 16 e 17 de maio, acontece em Curitiba o 5º Seminário Internacional de Acessibilidade. Iniciativa da Comissão de Acessibilidade do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná (Crea-PR),o evento nasceu com o objetivo de ampliar o debate sobre a acessibilidade e reforçar a importância de ações transformadoras em benefício da sociedade. “Para que o Brasil seja acessível, basta atendermos todas as Leis Federais de Acessibilidade e Normas Técnicas existentes e já em vigor, mas isto somente acontecerá com maior qualificação profissional e melhores mecanismos de fiscalização. Já passamos da fase da conscientização, o momento é de partirmos para as ações concretas, pois sabemos o que e como precisa ser feito”, ressalta Ricardo Rocha, presidente do Crea-PR.

Esta edição do evento contará com a palestra magna da Presidente do Instituto de Cidades com Mobilidade (ICVM), a portuguesa Eng. Civil Paula Teles, que virá falar sobre a experiência de planos de acessibilidade nas cidades européias e os novos conceitos de acessibilidade. “É objetivo do Conceito Europeu de Acessibilidade (ECA) que todos os europeus, qualquer que seja a diferença cultural, usufruam uma vida independente e livre de obstáculos, onde quer que se encontrem no continente,” compartilha Paula.

O engenheiro mecânico Sérgio Yamawak, integrante da Comissão de Acessibilidade do Crea-PR, destaca a importância de se debater a acessibilidade em uma sociedade que daqui há 30 anos terá mais pessoas com mais de 60 anos,  do que menores de 15. “Estamos começando a perceber nossa precariedade em atender as pessoas idosas que não são nem um pouco parecidas com os idosos de antigamente, já que aumentamos nossa expectativa de vida. Temos observado muita vitalidade e disposição para diversas atividades, mesmo após os 60, porém, ainda encontramos poucos produtos e serviços adequados para atender esta nova e crescente demanda”, diz Sérgio, acrescentando  também a falta de políticas públicas adequadas aos idosos em relação à mobilidade urbana, moradia, lazer, saúde e segurança.

O seminário abordará também questões relativas à última Lei Federal, chamada de Lei Brasileira da InclusãoLBI, de 2015, que foi regulamentada no dia 1º de março deste ano em relação ao seu artigo 45 que trata dos hotéis, pousadas e estruturas similares, detalhando os aspectos arquitetônicos e ajudas técnicas a serem atendidos seguindo os princípios do desenho universal. Também este ano, a Secretaria Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência abriu para consulta pública o art. 44 da LBI, para dispor sobre a reserva de espaços e assentos em teatros, cinemas, auditórios, estádios, ginásios de esporte, locais de espetáculos, de conferências e similares. “Aguardamos a continuidade das discussões para que possamos regulamentar os demais itens da LBI o quanto antes, pois temos avanços significativos na inclusão com a implementação desta Lei”, completa Sérgio.

O 5º Seminário de Acessibilidade acontecerá no Instituto de Engenharia do Paraná – IEP – e tem entrada franca.

Maiores informações no https://www.crea-pr.org.br/ws/seminario-internacional-de-acessibilidade