Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/2022/10/engenharia-civil-curitibana-sera-destaque-em-evento-nos-estados-unidos-2/>.
Acesso em 12/04/2024 às 14h46.

Engenharia civil curitibana será destaque em evento nos Estados Unidos

Filipe Guedes Sanches é um dos mais jovens projetistas do mundo a ter o reconhecimento

19 de outubro de 2022, às 14h41 - Tempo de leitura aproximado: 3 minutos

O Engenheiro Civil Filipe Guedes Sanches é um dos profissionais mais jovens do mundo convidados para participar do 12º Workshop Internacional sobre Concreto Estrutural. Realizado no próximo sábado (22/10) em Dallas, nos Estados Unidos, o evento selecionou oito engenheiros, com até 35 anos, que participaram em projetos de alta complexidade.

O Instituto Brasileiro de Concreto (Ibracon) foi o responsável pela seleção de jovens projetistas no País. Os perfis selecionados foram submetidos a análise e enviados para o Instituto Americano de Concreto (ACI) dos Estados Unidos. O ACI realizou uma nova seleção, com profissionais de todo o mundo e, então, convidou os engenheiros eleitos para contar suas experiências durante o evento, que tem como objetivo reunir e disseminar informações sobre o desenvolvimento e aplicação de padrões de projeto de concreto.

A homenagem a Filipe se deu por conta da sua participação no Casa Milano. Localizado em Curitiba, o empreendimento é um marco pela sua altura e tecnologia de túnel de vento utilizada em sua análise estrutural.

“Ter a oportunidade de apresentar este projeto é muito recompensador. Foram vários desafios superados por toda a equipe que participou do trabalho. Vejo que isso irá agregar de duas maneiras na minha carreira. A primeira é todo o aprendizado absorvido no processo, que foi enorme e muito rico. A segunda é a visibilidade promovida por esse reconhecimento, que gera conexões, parcerias e trocas de experiências”, comenta Filipe.

Imagem : Banco de dados

O profissional tem em seu currículo graduação em Engenharia Civil pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) com conclusão em 2016, e intercâmbio no Instituto Nacional de Ciências Aplicadas de Lyon, na França. Filipe também é mestre em Construção Civil pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), na área de pesquisa de sistemas estruturais, com término em 2020.

Desde 2018, Filipe ainda atua como professor de graduação e pós-graduação com foco nas áreas de tecnologia da construção de edifícios, projeto de estruturas de concreto armado, fundações e contenções na IDD – Educação Avançada, em Curitiba.

“Sinto que isso me traz muita motivação. Não apenas para mim como profissional, mas para todos envolvidos no processo. Vemos que a engenharia brasileira possui grande potencial de desenvolver soluções inovadoras e ousadas, tendo como objetivo melhorar nossas cidades e consequendemente a vida das pessoas”, celebra o Engenheiro Civil.

O profissional aponta ainda que, para estruturas deste porte, é fundamental realizar um estudo estrutural mais refinado e não apenas se basear em modelos simplificados. A análise do túnel de vento, por exemplo, pode gerar economia de material, além de garantir conforto e segurança aos usuários do edifício. No Casa Milano, estão previstos a utilização de aproximadamente 8.000 metros cúbicos de concreto e 1.100.000 quilos de aço.

Para o presidente do Crea-PR, Engenheiro Civil Ricardo Rocha, essa conquista demonstra o alto nível dos profissionais do Paraná e a excelente base educacional proporcionada pelas nossas universidades, sempre em busca da melhoria contínua.

O projeto

Projetado pela AS Estruturas, Engenheiros e Associados e em construção no bairro Champagnat, em Curitiba, o Casa Milano terá 33 andares e cerca de 140 metros de altura, o que o colocará como um dos cinco prédios mais altos da capital paranaense. Um dos destasques do empreendimento da GT Building é a vista panorâmica para o Parque Barigui, um dos pontos turísticos mais famosos da capital paranaense. O imóvel de luxo se destaca ainda por pontos como inovação, sofisticação e modernidade em sua arquitetura. A conclusão da obra está prevista para 2025.

Sobre o Crea-PR

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Paraná, criado no ano de 1934, é uma autarquia responsável pela regulamentação e fiscalização dos profissionais das áreas das engenharias, agronomias e geociências. Além de regulamentar e fiscalizar, o Crea-PR também promove ações de orientação e valorização profissional por meio de termos de fomentos disponibilizados via Editais de Chamamento.

Informações para a imprensa:

Eduardo Pereira

(41) 9 9860-0023

ascomcuritiba@creapr.org.br


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *