Marca do Crea-PR para impressão
Disponível em <https://www.crea-pr.org.br/ws/2023/11/governanca-cooperativa-em-pato-branco-e-marcada-pelo-inicio-da-passagem-de-mandato/>.
Acesso em 26/02/2024 às 18h37.

Governança Cooperativa em Pato Branco é marcada pelo início da passagem de mandato

22 de novembro de 2023, às 22h14 - Tempo de leitura aproximado: 10 minutos

Governança Cooperativa em Pato Branco é marcada pelo início da passagem de mandato .

Nesta quarta-feira (22), aconteceu o segundo encontro da segunda fase da Governança Cooperativa do Crea-PR de 2023. A Governança Cooperativa passa por todas as regionais do Crea no Paraná e funciona como uma oportunidade de discutir ideias, apresentar resultados e criar mais um canal de diálogo entre o Conselho e os representantes dele nas cidades. Na ocasião, se reunem representantes de câmaras técnicas, inspetorias, entidades de classe e estudantes à presidência, assessoria e equipe de gestão do Crea-PR para fazer uma espécie de fechamento do semestre e projetar o próximo.

Esta governança contou com a presença do Presidente do Crea-PR, Eng. Civ. Ricardo Rocha e do Presidente Eleito, Eng. Agr. Clodomir Ascari e foi palco do início da transição de mandato.

 

Reunião da Comissão Acadêmica do CreaJr-PR nomeia nova Representante da CAR de Pato Branco

O Facilitador do DRI (Departamento de Relações Institucionais) e Gestor do programa Eng. Eletric. André Pagani fez a abertura do evento, que contou com uma explanação sobre SWOT – técnica usada para identificar forças, oportunidades, fraquezas e ameaças com o intuito de desenvolver um plano estratégico –  convidando os membros dirigentes presentes a realizarem a análise: “uma forma de contribuir ativamente com o futuro do Conselho ao qual irão futuramente pertencer”, disse ele. 

Na ocasião foi apresentada a nova representante titular da CAR (Comissão Acadêmica Regional) Pato Branco na CAE (Comissão Acadêmica Estadual) de 2024, Jeanne de Baldi Portes. A acadêmica de Engenharia Química da Universidade Tecnológica da Federal do Paraná de Francisco Beltrão contou um pouco sobre os planos da CAR Pato Branco: “temos muitos projetos para aproximar mais os membros da regional, acredito que mais unidos nos tornamos mais engajados, e assim podemos desenvolver mais projetos”. Um deles é a criação de uma série de vídeos explicativos sobre o programa, para que novos membros entendam sua importância”. A colega Liara Yumi Hirakawa, acadêmica de Engenharia Química, mostrou-se animada com a nova representante da CAE e parceira: “eu e a Jeanne planejamos muito bem este ano, acredito que ela vai atender às expectativas”. Liara manifestou o propósito de, neste ano, trabalharem mais ações sociais. 

Homologação das eleições do Crea-PR dá início à transição de mandato durante reunião do CDER

A programação da Governança Cooperativa em Pato Branco contou com a presença do Presidente do Crea-PR, Eng. Civ. Ricardo Rocha e do Presidente Eleito, Eng. Agr. Clodomir Ascari. A reunião do CDER, que aconteceu na sede da Associação dos Engenheiros Agrônomos de Pato Branco – AEA-PB, reforçou a importância da presença das Entidades de Classe nas reuniões da Governança Cooperativa e foi marcada pelo diálogo entre lideranças do Crea.

O Presidente do Crea-PR, Eng. Civ. Ricardo Rocha informou a todos que o resultado das eleições no Paraná foram homologadas pela plenária do Confea, possibilitando o início da transição de mandato para o Presidente eleito para o próximo triênio, Eng. Agr. Clodomir Ascari. O Presidente reforçou a importância do resultado das eleições para a regional de Pato Branco. “Temos Entidades de Classe fortes em todas as regiões, mas é uma honra poder participar desse encontro que faz parte da nossa Governança Cooperativa e dialogar com um Presidente eleito que é aqui de Pato Branco e que sempre foi muito atuante no CDER”, comenta Ricardo. 

O engenheiro civil também falou sobre os avanços conquistados pelas Entidades durante sua gestão. “Tenho certeza que o novo Presidente irá receber um cenário com Entidades de Classe fortalecidas. Trabalhamos intensamente junto ao CDER e com a Diretoria do Crea-PR para que todos pudessem pagar suas dívidas. Também atuamos para garantir um Edital de Chamamento consolidado, com regras e prazos muito bem definidos. Esse com certeza é um dos maiores legados da nossa gestão”, finalizou o Presidente, que citou a Revista publicada pela Associação dos Engenheiros de Pato Branco como um exemplo positivo do trabalho realizado nos últimos anos. 

Na sequência, o Presidente eleito para o próximo mandato, Eng. Agr. Clodomir Ascari, agradeceu a todos pelo apoio e se comprometeu com a continuidade do trabalho de valorização das Entidades de Classe. Para Clodomir, as profissões ligadas possuem um poder transformador. “Para fazer, nós precisamos acreditar. O local onde estamos reunidos hoje costumava ser uma baia para cavalos. Foi com o trabalho da nossa engenharia que conseguimos fazer com que esse espaço se tornasse um lugar de diálogo e fomento da agronomia em Pato Branco. Esse é um exemplo de como queremos atuar, usando as engenharias, agronomia e geociências em favor da valorização do nosso Sistema”, pontuou Clodomir. 

“Temos três anos pela frente e conto com vocês para fazermos um bom trabalho. Vamos encarar o desafio de entregar o que está na proposta de trabalho apresentada durante a campanha, acrescentando o que for preciso e aprimorando aquilo que é bom. Sempre participei das Governanças Cooperativas, então conheço as necessidades dos profissionais do Paraná e o que devemos realizar junto com as entidades”, finaliza o engenheiro agrônomo. 

Calendário de ação do DRI

O Gerente do Departamento de Relações Institucionais do Crea-PR, Claudemir Marcos Prattes, deu seguimento a reunião apresentando os informes das ações que devem ser realizadas pelo Conselho em 2024. O grande destaque é o Edital de Chamamento que prevê R$ 3 milhões para as realizadas pelas Entidades de Classe. 

Claudemir também falou sobre o calendário para o próximo ano e citou os eventos, encontros e projetos que devem ser realizados no próximo ano. O gerente também esclareceu dúvidas em relação ao relatório das avaliações do PCQ, celebrando o avanço das Entidades de Classe do Paraná no prêmio, superando a média de 800 pontos.

“Não temos registro de Entidades de Classe que tenham fechado suas portas nas últimas duas décadas no Paraná. Passamos por muitas crises com força e união, nos tornando um exemplo para os Creas do Brasil inteiro”, explica o Claudemir. 

Em relação a Agenda Parlamentar, Claudemir reforçou que o momento atual das Governanças é muito importante. Durante os próximos meses, os profissionais podem participar das discussões que levarão as propostas de projetos de lei que serão entregues à Assembleia Legislativa do Paraná durante a cerimônia dos 90 anos do Crea-PR. 

CDIN: uma oportunidade para o diálogo entre inspetores e conselheiros

A Gerente do Defis Eng. Amb. Mariana Maranhão apresentou aos presentes os resultados das eleições de inspetores. No cenário estadual, teremos muitos novos profissionais, um total de 162 inspetores que iniciam o próximo triênio. Na ocasião, Maranhão repassou as atribuições da profissão, recebeu as demandas e esclareceu dúvidas dos inspetores que participaram do encontro.

Muitos dos presentes ressaltaram a importância da interação entre inspetores e conselheiros, para que o trabalho se desenvolva de forma assertiva do início ao fim, e a ocasião foi um momento importante para isso, quando os profissionais participaram ativamente da discussão.  

Operação “Diversão mais segura”

A Gerente do Departamento de Fiscalização do Crea-PR dividiu com os presentes algumas experiências e números da operação de fiscalização voltada à segurança da sociedade durante o período festivo que se aproxima. Ela foi realizada em locais comumente mais frequentados nesta época, como parque de diversões: “muitas vezes, quem atua no ramo não tem noção do perigo envolvido”. 

Também foram feitas verificações em parques estaduais: “em um deles havia um mirante que, por falta de manutenção, foi desativado. Os visitantes, porém, começaram a permanecer sob o mirante; isso mostra que nosso trabalho vai além de averiguar a regularidade da estrutura, mas ter um olhar abrangente e atento a todas as possíveis situações problemáticas”, alertou.

Inspetores são convidados a participar do Planejamento Estratégico

O superintendente do Crea-PR, Eng. Agr. Celso Roberto Ritter, abriu sua fala ressaltando sua satisfação ao ouvir o debate ocorrido previamente: “é debatendo que se chega a soluções e se eleva a conduta profissional”, comentou. 

Foi ele quem dividiu com os presentes o Planejamento Estratégico do Conselho para o próximo triênio, explicando seus componentes. Um deles, é exatamente a escuta ativa dos Colegiados do Crea-PR, que acontece exatamente durante a Governança. 

O Planejamento Estratégico do Crea-PR tem ciclos trienais e é pensado a partir de uma análise de cenários. Ao longo de três ou quatro meses – normalmente no último mês da gestão de um presidente e nos dois primeiros meses da gestão nova – o planejamento é pensado de forma sistêmica. Isso advém, entre outras práticas e ferramentas, da Análise SWOT, método de planejamento estratégico que estabelece a partir de estudos de cenários os pontos fortes, pontos fracos, ameaças e oportunidades que a organização tem nas suas rotinas de trabalho e nos seus processos administrativos. Ritter, então, convidou os presentes a participar ativamente das decisões do Conselho por meio da contribuição com esta análise. 

Presidente do Crea-PR apresenta balanço da gestão durante a Plenária dos Colegiados

O Presidente do Crea-PR, Eng. Civ. Ricardo Rocha, foi recebido pelo anfitrião da Governança em Pato Branco, o Gerente da Regional Eng. Civ. Diogo Colella, e agradeceu os presentes pela participação na gestão respeitosa e cooperativa que liderou. Foram feitas as entregas de certificados para Entidades de Classe, profissionais, docentes e discentes da regional que não puderam comparecer às cerimônias do PCQ, Profissional de Destaque, Melhores TCC’s e Projetos de Extensão. Também foi dedicado um momento para que os inspetores que encerram seus mandatos recebessem seus certificados honoríficos de contribuição para o Conselho.

Colegiado das Representações 

O Assessor de Políticas Públicas, Eng. Civ. Samir Jorge, falou das Representações do CreaPR, um modelo que já acontece e prevê a possibilidade do Conselho fazer-se presente  nas mais diversas áreas. Segundo Jorge, um dos papéis do Crea-PR é buscar a valorização profissional e a representação é uma das formas de fazê-lo. A ideia agora – que já faz parte do Planejamento Estratégico para o próximo triênio – é regulamentar o modelo com a criação de um Colegiado das Representações.

Melhorias e Infraestrutura do Crea-PR

O Presidente Ricardo apresentou aos presentes projeto de modernização das unidades de atendimento ao público do Crea-PR. Os espaços modernizados trouxeram mais acessibilidade e conforto. Além disso, todas as sedes foram alvo da inspeção predial, “afinal de contas, precisamos dar o exemplo”, disse. Todas as inaugurações foram documentadas – por meio de matérias jornalísticas – e quem tiver interesse em saber mais das reformas pode acessar o site do Conselho. 

Planejamento Estratégico: um guia das ações

O Presidente Ricardo falou aos presentes sobre a oportunidade de participação no  Planejamento Estratégico do próximo triênio “o plano de trabalho de escuta conta com uma pesquisa de imagem que está sendo feita via telefone, avaliações realizadas com os funcionários e com a análise SWOT. Convido vocês a contribuírem com o planejamento que é mais do que um documento, é um guia das nossas ações diárias”, comentou. 

“Todos nós somos o Crea”

O Presidente eleito do Crea-PR, Eng. Agr. Clodomir Ascari, relembrou de quando ouviu pela primeira vez alguém falar sobre o Conselho, ainda estudante, e se perguntou do que se tratava: “quem” era o Crea. Hoje, ele entende que, de fato, todos os profissionais são o Conselho. Ao se comprometer com o cumprimento das 38 propostas presentes em seu plano de governo, alinhadas ao Planejamento Estratégico desenvolvido pela gestão do Presidente Ricardo, fez um apelo aos presentes: “cada um de vocês é o Crea, ele é feito de pessoas evoluídas e eu peço o engajamento de todos vocês para que possamos construir o Conselho que queremos.” 


Comentários

Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Comentários com palavras de baixo calão ou que difamem a imagem do Conselho não serão aceitos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *